Fatura eletrônica e seguro de carro perguntas frequentes

Fatura eletrônica e seguro de carro estão dentre os assuntos que mais geram dúvidas, por isso a apresentação da declaração do IRS pode ser um momento complicado, ainda mais de o contribuinte não tiver experiência com esses termos.

A submissão da declaração do IRS é tipicamente guiada por incertezas, que devem ser esclarecidas rapidamente para que você esteja pronto para entregar, sem grandes dores de cabeça.

Mas para que isso seja determinante, a maneira de proceder com relação à fatura eletrônica e ao seguro de automóvel pode ser o segredo.

Fatura Eletronica e seguro automóvel: Qual a melhor maneira de validar deduções?

Vamos tentar esclarecer ao máximo os pontos mais cruciais, que podem auxiliar você nesse processo delicado e tão importante para cada cidadão.

Como devo classificar essas despesas?

As despesas associadas ao seu seguro automóvel devem ser classificadas como “Outras” e podem ser contabilizadas no grupo de despesas incluídas no setor “Despesas gerais da família”.

Para concluir o conhecimento necessário para a Autoridade Tributária e Aduaneira incorporar essas despesas e fazer as deduções correspondentes em sua declaração do IRS, você deve:

  1. Entrar no portal da fatura eletrônica;
  2. Escolha a opção “Faturas”, seguida pela opção “Consumidor”;
  3. Digite seu número de contribuinte e senha;
  4. Se houver faturas com informações adicionais necessárias, você receberá um alerta visível no cabeçalho da página.

Como alternativa, você seleciona a opção “Faturas”, seguida pela opção “Verificar faturas” e consulta a lista de faturas entregues durante o exercício em questão.

Por que essas despesas não estão incluídas no setor de “Reparo do carro”?

Todas as empresas com operações em Portugal são registradas de acordo com um sistema do Instituto Nacional de Estatística (INE), denominado Classificação das Atividades Econômicas Portuguesas por Ramo de Atividade, ou lista CAE.

Além do sistema atual que fornece dados estatísticos que produzem valor substancial para nossa economia, é relevante precisamente para as necessidades de coleta e pagamento do IRS.

Para que uma fatura específica seja incluída no setor de “Reparo automático”, é necessário que a empresa que emite este documento seja registrada no CAE empregado pelas empresas que realizam o trabalho de reparo, o que não é o caso das seguradoras.

Portanto, não há outro setor dedicado exclusivamente ao tipo atual de despesas e, embora pareça contra-intuitivo, a validação da fatura eletrônica para o seguro automóvel recai no setor de “Despesas familiares gerais”.

Dúvida frequente da maioria das pessoas: qual é o prazo de validação?

Todas as faturas comunicadas à Autoridade Tributária e Aduaneira que precisam de informações adicionais, a serem fornecidas pelos contribuintes no portal da fatura eletrônica, devem ser validadas até 25 de fevereiro.

Minha fatura não aparece no portal, e agora?

É possível que a empresa ainda não tenha comunicado a fatura à Autoridade Tributária e Aduaneira, pois o prazo é até o dia 20 do mês seguinte à data de emissão da fatura.

Caso contrário, você registrará a fatura manualmente, escolhendo a opção “Faturas”, seguida pela opção “Registrar faturas”.

Agora que a fatura eletrônica e o seguro automóvel não levantam dúvidas, não se esqueça de validar suas faturas, pois você corre o risco de perder deduções significativas.

Os símbolos da fatura eletrônica: Saiba qual os significados

Talvez já tenha se perguntado: o que significam os símbolos da fatura eletrônica? Siga lendo para tirar suas dúvidas e simplificar todo o processo de registro e validação de faturas.

Os símbolos da fatura eletrônica

Os consumidores devem validar ou classificar manualmente suas faturas, se o status deles estiver “pendente” ou não tiver sido inserido por traders / agentes econômicos.

Se você continuar com dúvidas sobre a maneira de fazer isso, este texto esclarecerá tudo o que você gostaria de entender sobre as faturas inseridas juntamente com o seu número de contribuinte (NIF) no Portal das Finanças (fatura eletrônica).

Para validar documentos on-line, é importante que os contribuintes saibam o que significam os símbolos da fatura eletrônica, como o tipo de despesa feita e dedutível no IRS.

Os símbolos de validação da fatura aparecem assim que você acessa a página inicial do Portal Financeiro, E-Fatura, onde você encontra um resumo da evolução dos valores já comunicados às autoridades fiscais pelas empresas e contribuintes.

Descubra, então, o que significam os símbolos da fatura eletrônica

Esse é o símbolo da fatura eletrônica para despesas de saúde e a maioria das despesas já deve estar dentro da categoria correta da fatura eletrônica.

símbolos da fatura eletrônica

Se você tiver uma fatura “pendente”, basta clicar no símbolo (igual ao da imagem) associado às despesas de saúde, para indicar que você simplesmente tem uma receita e, portanto, o valor da despesa.

Deve-se observar que os gastos com produtos tributados a 23% são meramente dedutíveis nos impostos se eles precisarem de receita médica. Em relação ao seguro, as autoridades fiscais recomendam que os contribuintes aguardem as seguradoras para apontar os valores reembolsados.

Se você possui uma fatura pendente de despesas com educação ou treinamento, como propinas, livros ou explicações, esse é geralmente o símbolo que você deve usar para classificá-las.

Dessa forma, classifique todas as despesas associadas aos encargos de habitação, especificamente com juros sobre dívidas provenientes da aquisição de pagamentos permanentes de habitação ou arrendamento.

Leia ainda: Todas as vantagens e cuidados com e fatura app android